Pavan acompanha reunião do Codesul em Curitiba

Como presidente do Parlamento do Sul (Parlasul), o deputado Leonel Pavan (PSDB) participou, em Curitiba, da reunião do Conselho de Desenvolvimento e Integração Sul (Codesul), na sede do governo do Paraná, na segunda-feira (31). O encontro discutiu assuntos de interesse dos quatro estados que compõem o conselho: Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul.

O tema central da reunião apontou para o fortalecimento da união dos estados em torno das demandas comuns de infraestrutura, sobre a necessidade urgente de reformas que precisam ser feitas no país para a retomada da credibilidade e do crescimento econômico e a construção de corredores federais para escoamento da produção dos estados. “Os estados do Sul também continuam sendo discriminados no retorno dos impostos federais arrecadados e há necessidade de união para enfrentar também esse problema crônico”, observou Pavan, exemplificando que em 2015, a Região Sul recebeu apenas 20% dos impostos federais que recolheu.

O governador do Paraná Beto Richa (PSDB) reforçou a necessidade de união neste momento de crise. “Na história recente do país, talvez este seja o momento mais difícil para governar. A opinião pública nos cobra e, por outro lado, não temos os instrumentos adequados para atender as demandas da nossa gente. Temos que ser corajosos e unidos para construirmos um novo ciclo de desenvolvimento do Sul e de todo o país”, concluiu.

O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo (PSD), destacou, por sua vez, que o ano tem sido muito difícil por conta da crise, mas que o estado tem conseguido encontrar alternativas para minimizar o impacto da instabilidade econômica e política que o país atravessa. Colombo avaliou como fundamental para o país e para os estados a reforma da previdência. “Não adianta mudar só as pessoas. Se o modelo de Estado não for corrigido, entrará em colapso”, afirmou.

Durante reunião, além de Colombo, os governadores do Paraná, Beto Richa; do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori; e o secretário de Governo e Gestão do Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel, assinaram resoluções referentes ao orçamento do Codesul para 2017 e aprovaram relatórios, balanço e demonstrações financeiras do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) – um dos principais fomentadores dos projetos dos estados do Codesul.

Os governadores também assinaram ofícios que serão encaminhados a Brasília solicitando apoio a projetos de Defesa Civil e pesquisa sobre mudanças climáticas e o descontigenciamento de operações de crédito para municípios da região sul país. Um termo de cooperação entre o Codesul e Zona de Integração do Centro Oeste Sul Americano (Zicosur) também foi assinado para instalação conjunta de comissão na área de infraestrutura.

Comente com o FACEBOOK

Autor: admin

Compartilhe no